Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A tartaruga e a vida

por oficinadepsicologia, em 08.02.12

Autora: Tânia da Cunha

Psicóloga Clínica

www.oficinadepsicologia.com

Facebook

 

Tânia da Cunha

Vou convidá-lo que imagine uma tartaruga… o que é que lhe vem à cabeça? A carapaça, é claro! Quando a vida se torna intempestiva para as tartarugas, estas resguardam-se nas suas carapaças e aguardam pela bonança. É verdade que os seres humanos não têm carapaças, no entanto muitas vezes agem como se tivessem.


As experiências de tartaruga têm uma coisa em comum: proporcionar o afastamento de algum aspecto da vida onde sente perda de controle e uma vez na sua carapaça, sentir-se-á protegido e seguro. Assim, o comportamento de tartaruga é definido não por aquilo que está a fazer mas pela razão por que está a fazer. Ninguém constrói uma carapaça perfeita!


O comportamento de tartaruga é simplesmente qualquer comportamento que lhe permite afastar-se da vida em vez de tratar da vida. Claro que um pouco de comportamento de tartaruga pode ser perfeitamente adaptativo e necessário. Saiba que com moderação não o vai prejudicar. Torna-se preocupante só quando é utilizado como estratégia permanente na tentativa de controlar a vida.


Tome nota que o comportamento de tartaruga, além de provocar ansiedade e depressão, tem tendência a criar um hábito. Quanto mais se acostumar à sua carapaça, mais difícil se torna arriscar a sair dela.
Para considerar um comportamento como carapaça verifique se ele constitui uma tentativa de evitar algum aspecto da vida e sentir-se com mais controle. Como regra geral qualquer comportamento excessivo deve ser questionado como possível desvio ou fuga da vida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:27



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D