Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Sabia que...?

por oficinadepsicologia, em 08.05.11

Autora: Isabel Policarpo

Psicóloga Clínica

 

 

Isabel Policarpo

O método utilizado na tentativa de suicídio,  pode ser um indicador importante do risco associado a subsequentes tentativas de suicídio?

 

O suicidio é uma das causas mais comuns de morte entre aqueles que têm entre 15 e 44 anos.

Os estudos têm demonstrado que as pessoas que previamente atentaram contra a sua  vida, apresentam um risco acrescido de cometer de suicídio à posteriori. A presença de perturbações psíquicas e abuso de substâncias, afiguram-se igualmente como outros factores de risco conhecidos.

No presente estudo seguiram-se pessoas que já tinham feito tentativas de suicídio usando diferentes métodos e verificou-se que o risco de ser bem sucedido no suicídio é particularmente elevado junto daqueles que anteriormente o tentaram através de enforcamento, afogamento ou saltar de um local alto. Por exemplo, a ocorrência de suicídio é seis vezes maior após uma tentativa por enforcamento, e quatro vezes maior após  uma tentativa por afogamento, do que após uma tentativa por envenenamento, que é aliás o método mais comum.

Estes resultados podem ser úteis na avaliação imediata de risco após uma tentativa de suicídio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 09:58



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D