Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Viajar com crianças

por oficinadepsicologia, em 01.08.11

Autora: Iolanda Maria

Psicóloga Clínica

www.oficinadepsicologia.com

 

 

Iolanda Maria

 

Tempo de férias é para muitos sinónimo de viagens, de alegria e de diversão.

 
Mas para que a euforia da partida não se transforme em stress comprometedor do prazer e bem estar de toda a família, prepare e planei com antecedência a viagem, sobretudo se optou por usar o avião e se vai acompanhado por crianças.
 
Para o ajudar nesse sentido, aqui vão algumas dicas práticas:
    -  Segundo os especialistas, atendendo a que uma ligeira constipação pode ampliar a dor nos ouvidos das crianças
       quando o avião pousa, certifique-se junto de um pediatra de que tudo está bem com a saúde dos pequenos, dias
       antes de embarcar; Não se esqueça que na criança, quando doente, a impaciência e o choro aumentam
       exponencialmente...;
    -  Mediante as caracteristicas da criança, fale com o pediatra, sobre a sua opinião quanto ao administrar um descongestionante
       nasal à criança, algumas horas antes do voo e depois do mesmo;
    -  As viagens de avião, não são recomendadas a crianças com menos de 7 dias;
    -  Certifique-se que leva toda a documentação da criança, assim como a que lhe é exigida, no pais de destino;
    -  Se tiver seguros de saúde e de acidentes pessoais para si e a familia, informe-se junto da sua companhia de seguros, se
       as coberturas se poderão alargar a alguma eventualidade ocorrida no paise de destino e se assim for, leve consigo os
       documentos e os contactos necessários, para a activação perante alguma emergência;
    -  Informe-se junto da agencia de viagens e da companhia de aviação sobre as facilidades existentes para quem
       viaja com crianças, uma vez que estas se podem relacionar com a deslocação até ao avião, a comida especial
       e as acomodações fornecidos, que muita vez não são muito divulgadas e têm que ser solicitadas com alguns
       dias de antecedência;  
   
-  Uma outra sugestão de modo a tentar evitar incomodar os outros passageiros, nomeadamente em
       deslocações longas, é procurar seguir o ritmo da criança, optando preferencialmente por efetuar voos noturnos,
       enquanto esta dorme;
    -  No check in, solicite os lugares da frente ou os lugares em que os braços das cadeiras se levantem, de modo a ter mais
       espaço disponível;
    -  Antes da viagem, evite dar alimentos à criança, cujos constituintes as possam deixar mais agitadas;
    -  Se viajar com bebés e crianças pequenas, atendendo nomeadamente às idas à casa de banho conjuntas ou à utilização da
       bancada especifica para as mudas, acondicione os itens de primeira necessidade e mudas de roupa em pacotes de plástico que
       funcionarão como packs; um poderá conter por exemplo fraldas, lenços húmidos, pomadas, pó de talco, protetor acolchoado para
       usar na bancada; um segundo roupa mais quente e um último roupa mais fresca; O ideal é acondicionar todas estes packs,
       assim como o biberão e as chuchas em mochilas, permitindo as deslocações e o embarque com os braços livres;   
    -  Leve também consigo uma mini-farmácia com os medicamentos importantes para o petiz, atendendo no entanto, às regras
       vigentes para o transporte das bagagens de mão; 
    -  Como por vezes tudo se complica com a comida de bordo, mesmo que feita especialmente para a criança, não se esqueça de
       levar algum tipo de alimentos que saiba que esta comerá em situações mais complicadas, como bolachas, barritas e alguns
       rebuçados; Estes serão também úteis para a criança comer e chupar na aterragem, ocasião em a alteração da pressão leva a
       que aumente o incomodo ou a dor nos ouvidos;
    -  Se lhe for possível, opte por tentar amamentar o bebé, durante a descolagem e a aterragem, para o ajudar relativamente ao ouvido
       interno; procure dar-lhe também água, durante o voo;
    -  Tente ter sempre próximo o saco para os enjoos;
    -  Como as viagens longas convidam á irrequietude, é aconselhável que tanto os bebés como as crianças mais
       velhas estejam entretidas durante a viagem com alguns brinquedos, divertimentos portáteis e coloridos e livros, de preferência
       que ainda não conheçam e que não tenham (muito) som;
 
    -  Divirta-se usufrua, e para o ano, traga-nos a sua experiência para melhor aconselhar os seus amigos!
Boa viagem!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:12



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D