Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dicas para um Verão de boas emoções

por oficinadepsicologia, em 23.07.10

Autor: Hugo Santos

Psicólogo Clínico

 

O Verão é aquela altura desejada por uma grande maioria pois é o equivalente a férias, lazer, tempo livre, descanso, viajar, etc.

Por isso, partilhamos algumas dicas para ter um Verão com Boas Emoções.

 

Auto-Estime-se

Esta é uma altura para cuidar de si. Usufrua de momentos de prazer e satisfação, permitindo-se simplesmente estar consigo e com os outros.

Desfrute do tempo, no aqui e agora, como se toda a sua existência se concentrasse neste momento.

Sinta-se, sorria e repare no que se passa dentro de si e à sua volta.

No dia-a-dia andamos sobretudo a correr, num ritmo acelerado. Agora poderá desacelerar e outras vezes acelerar. Dirija a velocidade das suas emoções.

Auto-Estimar-se é também estar e sentir a satisfação desse encontro.

 

 

Liberte-se

Este é um momento de maior liberdade. Os “tenho de” e “devo de” diminuem. As obrigações do quotidiano alteram-se.

Mesmo que entre numa rotina de férias com horários e listas de compromissos, recorde-se que é diferente e que poderá viver tudo isto de uma forma mais livre.

Respire fundo e solte os seus desejos, deixe que os seus medos se atenuem e sinta a liberdade do “quero”.

 

Tenha Expectativas

Tire da gaveta os seus planos e projectos. Não interessa se o seu plano é não ter planos ou se tem mil projectos que não dão para realizar na totalidade.

Simplesmente faça planos, tenha expectativas e sonhe. Sonhar e desejar é um acto de satisfação e retira-nos da realidade do quotidiano colocando-nos noutra dimensão da realidade.

Nesse espaço das expectativas há movimento e outra perspectiva do nosso olhar.

 

Tire fotos imagéticas

Fotografe com a sua memória, num contínuo temporal, entre o passado – presente – futuro.

O momento que regista na sua mente poderá ser um ponto comum de associações entre o que já viveu, o que está a viver e o que gostaria de vir a viver.

A nossa lente interna permite captar imagens que passam a fazer parte de nós e nos definem.

Construa mais uma página do seu álbum fotográfico das memórias.

 

Use os seus sentidos

Sentimos o mundo através de várias portas de entrada. A informação que nos chega é processada por vários canais.

Por vezes centralizamo-nos mais num ou noutro sentido.

Experimente alargar a sua experiência sensorial.

 

Como?

Se estiver na praia, por exemplo, experimente fechar os olhos e ouvir o que se passa à sua volta. Repare no barulho do mar, nas ondas que vêem e vão. Fique aí durante uns breves segundos.

Depois viaje com a sua atenção para outros sons á sua volta. Repare no seu conjunto, na sinfonia que formam.

Experimente agora separá-los e focar-se apenas num desses sons. Fique lá, simplesmente a ouvir. Repare no som a entrar dentro de si e a ser registado, descodificado, saboreado.

Agora pode aumentar ou baixar o volume desse som. Imagine que é como se fosse no auto-rádio do carro. Desça o volume do som, como se o barulho estivesse mais longe. Experimente o contrário.

Assim como usou a audição, pode utilizar o tacto e a pele como canal de entrada. Sinta por exemplo o calor a tocar-lhe. Sinta como é agradável ou desagradável. De olhos fechados, foque a sua atenção numa parte do seu corpo, por exemplo no braço ou na perna, e sinta a forma como a sua pele capta a temperatura. Fique aí, e depois viaje por onde quiser. A pele é o nosso maior órgão.

Sinta, ainda, por exemplo, o cheiro. Inspire e repare no que o seu nariz captura. É um cheiro familiar ou novo?

Experimente os seus sentidos.

 

Aqui ficam 5 sugestões para o Verão.

Traremos outras dicas brevemente.

Bom Verão, com óptimas emoções

publicado às 14:24


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D