Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Onde estudar para o sucesso?

por oficinadepsicologia, em 21.04.11

Autora: Inês Afonso Marques

Psicóloga Clínica

 

 

Inês Afonso Marques

Com o decorrer do ano lectivo, a pressão para o sucesso escolar intensifica-se. Essa pressão é tão evidente em crianças do primeiro ciclo, como em adolescentes a finalizar o ensino secundário, como ainda em jovens universitários. ESTUDAR é algo transversal a todos. Mas o tal sucesso sem estudar não passa de uma miragem.

 

 

Quando os bons resultados escolares não surgem começam a levantar-se hipóteses. Ele não sabe estudar. Não me sinto motivada. Não consigo concentrar-me. Terá algumas dificuldades intelectuais? Se calhar ando a estudar durante pouco tempo. E a lista podia continuar…

 

De facto, o sucesso do estudo depende de vários factores. Contudo, há um que raramente é lembrado. Um factor que não está dentro da pessoa que estuda, mas que está onde a pessoa estuda. O LOCAL DO ESTUDO. Felizmente, nalguns casos, modificar as características do local de estudo é suficiente para que os resultados esperados comecem a surgir.

 

Se tivesse que resumir a característica principal do local de estudo numa frase seria: ausência de estímulos que podem distrair. E esta frase é válida para um estudante de qualquer idade.

Aqui ficam algumas sugestões para criar o local de estudo “ideal”.

 

 

- Tenha uma mesa específica para o estudo, num local destinado ao estudo confortável e com boa iluminação e ventilação. Acabou-se, portanto, o estudo em cima da cama, na mesa da cozinha enquanto os pais fazem o jantar ou no sofá enquanto se televisão.

- Tenha todo o material necessário nesse local antes de começar a estudar. Isto inclui livros, cadernos diários, canetas, dicionários, calculadora, etc. Sempre que a pessoa tem de se levantar para ir buscar qualquer coisa interrompe a concentração. Na mesa de estudo SÓ deve estar o material necessário para trabalhar.

- Tudo o que faz falta, e que está em cima da mesa, deve estar arrumado e organizado. Caso contrário, há tempo que se perde na busca da borracha perdida…

- Tudo o que pode servir de distracção deve estar fora do alcance do olhar e das mãos. Mantenha em silêncio, e longe do olhar, a televisão, o rádio, o computador, os livros de BD, o telemóvel, os cromos…

- Quando se fala em potenciais elementos de distracção as pessoas também contam. Por isso, idealmente, deve evitar ser interrompido. Pode, por exemplo, colocar um aviso na porta. Os períodos de estudo não serão longo, pelo que, numa das suas pausas, poderão colocar a conversa em dia.

 

Aproveite os dias de férias da Páscoa para dedicar algum tempo a (re)organizar o seu local de estudo/trabalho.

Bom trabalho!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:23



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D